Doc Ged Sistemas
  • 74 9803-7822
  • 71 9900-7822
  • 8607-7805
  • 9295-4681

Notícia


 01/10/2015 | SAÚDE

Ações do Outubro Rosa para detecção do câncer de mama são iniciadas em Salvador


Ações do Outubro Rosa para detecção do câncer de mama são iniciadas em Salvador

Quando detectado precocemente, o câncer de mama tem chance de até 95% de cura. Para chamar atenção das mulheres para o fato, foi instituído o ‘Outubro Rosa’, movimento internacional para conscientizar e estimular o diagnóstico e prevenção do câncer de mama. A ação na capital baiana foi iniciada nesta quinta-feira (1º), com a disponibilização de mamografias em uma unidade móvel parada no estacionamento do Dique do Tororó.

Presente na ação, a cantora Elba Ramalho, que é madrinha da campanha deste ano, falou sobre a sua história de superação da doença. “Eu, como muitas mulheres, achava que não seria acometida pela doença. A minha sorte é que consegui detectar ainda no início. Infelizmente muitas se descuidam, achando que estão imunes ao câncer e todos estão sujeitos. O Outubro Rosa é muito importante para chamar atenção.”, disse Elba Ramalho. Ela ainda ressaltou que o medo não pode dominar e incentivou as mulheres que qualquer suspeita deve ser logo investigada.

“É uma importante missão identificar e tratar essa doença que chega a matar e também, algumas vezes, deixa sequelas”, afirmou o secretário da Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas. Ele destacou que o desafio é que sejam feitas mais de 20 mil mamografias somente em outubro. “Nosso objetivo é mobilizar o estado inteiro na detecção precoce do câncer de mama”. 

Vanda Carvalho Dias estava entre as 140 mulheres atendidas nesta quinta (1º). Ela contou que, ao ver uma amiga ter a doença, ficou alerta. “A prevenção é muito importante. Vi minha amiga com o problema e busco fazer exames periodicamente”. 

Lançamento em Porto Seguro

Fábio Vilas-Boas estará em Porto Seguro, no sul da Bahia, nesta sexta (2), para participar do lançamento da Campanha Outubro Rosa, que, neste ano, se une à ação do Saúde sem Fronteiras – Rastreamento do Câncer de Mama. O rastreamento estará no município no período de 2 a 20 de outubro, atendendo mulheres de 50 a 69 anos, faixa etária considerada de risco para a doença.